PREVENÇÃO DE BRANQUEAMENTO DE CAPITAIS

Prevenção de Branqueamento de Capitais
01
Abr

Conhece as fases e metodologias do branqueamento de capitais? Entenda qual o papel das entidades intervenientes na prevenção do branqueamento de capitais e como combatê-lo, com esta formação dirigida a responsáveis de prevenção de branqueamento de capitais, responsáveis financeiros, responsáveis de supervisão bancária, diretores de auditoria interna, compliance officers, assessores jurídicos, financeiros e contabilísticos.

Objetivos da formação Prevenção de Branqueamento de Capitais

4 objetivos principais na formação de Branqueamento de Capitais:

  • Analisar a legislação em vigor no que respeita ao branqueamento de capitais
  • Conhecer as fases e metodologias do branqueamento de capitais
  • Compreender o papel das entidades intervenientes na prevenção do branqueamento de capitais
  • Caracterizar os mecanismos de prevenção do branqueamento de capitais

A Quem se Dirige

Responsáveis de prevenção de branqueamento de capitais, responsáveis financeiros, responsáveis de supervisão bancária, diretores de auditoria interna, compliance officers, assessores jurídicos, financeiros e contabilísticos.

Programa

ENQUADRAMENTO LEGAL DO BRANQUEAMENTO DE CAPITAIS (BC)

 

AS FASES E METODOLOGIAS DO BRANQUEAMENTO DE CAPITAIS

 

O PAPEL DAS ENTIDADES INTERVENIENTES NA PREVENÇÃO DO BC

  • Deveres e responsabilidades das entidades financeiras e não financeiras
  • A fiscalização dos deveres

 

MECANISMOS DE PREVENÇÃO DO BC

  • Características dos vários deveres de prevenção
  • Exclusão de responsabilidade
  • A comunicação de operações suspeitas
  • Os crimes tributários

 

RAZÕES QUE LEVAM À APLICAÇÃO DE MEDIDAS SANCIONATÓRIAS

  • Sanções principais e acessórias
  • O pagamento das coimas

 

EM QUE SITUAÇÕES É POSSÍVEL PEDIR O LEVANTAMENTO DO SIGILO BANCÁRIO

 

O CONFLITO ENTRE O SIGILO BANCÁRIO E O BRANQUEAMENTO DE CAPITAIS

  • Deveres ao setor financeiro que vão restringir o dever de segredo bancário
  • Lei do branqueamento de capitais que colide com o segredo bancário
  • Dever de comunicação
  • Poder de suspensão
  • Dever de identificação – know your customer
  • Dever de identificação genérico
  • Dever de recusa de realização de operações
  • Dever de conservação de documentos
  • Dever de exame
  • Dever de abstenção
  • Dever de segredo

 

CONSEQUÊNCIAS E RESPONSABILIDADES QUE ADVÊM DA VIOLAÇÃO DO SIGILO BANCÁRIO E QUE VISAM COMBATER O BRANQUEAMENTO DE CAPITAIS

Metodologia da formação Prevenção de Branqueamento de Capitais

Uma visão completa de todo o enquadramento jurídico e formas de prevenção em matéria de branqueamento de capitais.

Formador

Miguel da Câmara Machado

Formador nas áreas de branqueamento de capitais e compliance, é também jurista no Banco de Portugal, advogado e professor na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa.
Licenciado em Direito e com um mestrado especializado em ciências jurídico-criminais pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, tendo ganho prémios como melhor aluno.
Orador em várias conferências e cursos na área da prevenção do branqueamento de capitais, compliance, direito bancário e financeiro, direito penal (processual penal e execução das penas) e direito comparado.
Tem várias publicações em revistas e estudos, dentro da sua área de atuação.

Código da Formação: 1971505

Preço: Sob Consulta

Duração: 14 horas

Quer uma formação à medida para a sua empresa?

  • Analisar a legislação em vigor no que respeita ao branqueamento de capitais
  • Conhecer as fases e metodologias do branqueamento de capitais
  • Compreender o papel das entidades intervenientes na prevenção do branqueamento de capitais
  • Caracterizar os mecanismos de prevenção do branqueamento de capitais

Responsáveis de prevenção de branqueamento de capitais, responsáveis financeiros, responsáveis de supervisão bancária, diretores de auditoria interna, compliance officers, assessores jurídicos, financeiros e contabilísticos.

ENQUADRAMENTO LEGAL DO BRANQUEAMENTO DE CAPITAIS (BC)

 

AS FASES E METODOLOGIAS DO BRANQUEAMENTO DE CAPITAIS

 

O PAPEL DAS ENTIDADES INTERVENIENTES NA PREVENÇÃO DO BC

  • Deveres e responsabilidades das entidades financeiras e não financeiras
  • A fiscalização dos deveres

 

MECANISMOS DE PREVENÇÃO DO BC

  • Características dos vários deveres de prevenção
  • Exclusão de responsabilidade
  • A comunicação de operações suspeitas
  • Os crimes tributários

 

RAZÕES QUE LEVAM À APLICAÇÃO DE MEDIDAS SANCIONATÓRIAS

  • Sanções principais e acessórias
  • O pagamento das coimas

 

EM QUE SITUAÇÕES É POSSÍVEL PEDIR O LEVANTAMENTO DO SIGILO BANCÁRIO

 

O CONFLITO ENTRE O SIGILO BANCÁRIO E O BRANQUEAMENTO DE CAPITAIS

  • Deveres ao setor financeiro que vão restringir o dever de segredo bancário
  • Lei do branqueamento de capitais que colide com o segredo bancário
  • Dever de comunicação
  • Poder de suspensão
  • Dever de identificação – know your customer
  • Dever de identificação genérico
  • Dever de recusa de realização de operações
  • Dever de conservação de documentos
  • Dever de exame
  • Dever de abstenção
  • Dever de segredo

 

CONSEQUÊNCIAS E RESPONSABILIDADES QUE ADVÊM DA VIOLAÇÃO DO SIGILO BANCÁRIO E QUE VISAM COMBATER O BRANQUEAMENTO DE CAPITAIS

Uma visão completa de todo o enquadramento jurídico e formas de prevenção em matéria de branqueamento de capitais.

Miguel da Câmara Machado

Formador nas áreas de branqueamento de capitais e compliance, é também jurista no Banco de Portugal, advogado e professor na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa.
Licenciado em Direito e com um mestrado especializado em ciências jurídico-criminais pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, tendo ganho prémios como melhor aluno.
Orador em várias conferências e cursos na área da prevenção do branqueamento de capitais, compliance, direito bancário e financeiro, direito penal (processual penal e execução das penas) e direito comparado.
Tem várias publicações em revistas e estudos, dentro da sua área de atuação.

Course Content

Time: 14 hours

Curriculum is empty

About the Instructor

Ana Paredes

Sob Consulta
Local: Lisboa, Porto
Duração :14 hour
Formações ajustadas ao seu negócio

FORMAÇÕES À MEDIDA

Provocamos e aceleramos processos de mudança com a implementação e desenvolvimento de soluções pragmáticas orientadas para os resultados

SABER MAIS